Uma cidade, duas realidades - Venda de imóveis de luxo cresce em meio a pobreza em Araçatuba

Atualizado: Out 4

Por Matheus Lemes Martins de Assis - filiado do PSOL Araçatuba


ECONOMIA LOCAL | Durante essa semana, o jornal Folha da Região fez duas reportagens de capa que retratam e muito a situação do nosso país e consequentemente a de Araçatuba também. De um lado o volume de doações de cestas básicas oferecidas pela prefeitura aumentou 42% e de outro o crescimento de 70% nas vendas de imóveis de luxo. Os dados acima refletem o empobrecimento de uma grande parcela da nossa população e de um enriquecimento consistente de uma parcela mínima na terra dos araçás.


E como resolver essa questão? A primeira delas é viabilizar o IPTU progressivo, é justo que imóveis de bairros mais valorizados tenham a mesma base de cobrança que a periferia? Não é. Outra questão que devemos observar é a falta de políticas efetivas para geração de emprego e renda, você tem visto essas ações sendo realizadas na Câmara Municipal? Creio que não. Nosso legislativo tem se preocupado apenas em fazer moções, requerimentos vazios e votos de aplauso, falta efetividade.


É urgente viabilizarmos ações de atração de investimentos, revitalizar a estrutura dos atuais parques industriais, ampliar a oferta de cursos de capacitação e ensino técnico, além de pensarmos em outras políticas de acesso ao emprego através de um amplo diálogo com os pequenos e médios empreendedores, que são os grandes geradores de empregos locais, para que tenhamos mais que ações pontuais e assistencialistas. Precisamos de equidade tributária e geração de empregos para encararmos a triste realidade que enfrentamos.

13 visualizações0 comentário